Translate

domingo, abril 21, 2013

Com vaga na final, Ágatha e Bárbara Seixas garantem o título nacional

Foto:Divulgação

A paranaense Ágatha e a carioca Bárbara Seixas são as campeãs do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia 2012/2013. O título inédito foi garantido na noite deste sábado, com a classificação à decisão da etapa de Brasília (DF), a 10ª e última de temporada. A partida que marcou a conquista foi a semifinal contra as concorrentes na disputa pelo título da temporada, Lili e Rebecca. Depois de sair perdendo, a dupla comandada pelo técnico Ricardo de Freitas reagiu, venceu as rivais por 2 a 1 (18/21, 21/14 e 15/12) e garantiu o título nacional. Na decisão da etapa brasiliense, na manhã deste domingo, elas enfrentarão Talita e Taiana.
Ágatha e Bárbara chegaram à capital nacional como líderes do ranking brasileiro, com 2.760 pontos. Uma vaga no pódio era suficiente para garantir a conquista, mas, invictas, a paranaense e a carioca avançaram à final, onde tentarão o terceiro título consecutivo na temporada, dando sequência às vitórias em João Pessoa (PB) e Maceió (AL).

“O esporte nos proporciona sensações indescritíveis. Sonhei com este momento por muitos anos e estou feliz por ter alcançado este objetivo, mas o que me deixa mais contente é poder compartilhar esse feito com a equipe maravilhosa que temos. São profissionais competentes e muito unidos, que são fundamentais no nosso trabalho. Só tenho a agradecer a eles e aos nossos patrocinadores, que além dos apoiarem e de acreditarem no nosso sonho, são extremamente participativos no nosso trabalho”, elogiou a canhota.
Técnico mais jovem do Circuito Brasileiro, o carioca Ricardo de Freitas, de 31 anos, analisou a conquista e o desenvolvimento do trabalho da equipe ao longo dos últimos anos.
“Comecei minha carreira de treinador em 2007 e a Bárbara sempre fez parte do meu projeto. Nos propusemos a trabalhar muito e ela passou, e ainda está passando, por uma transformação enorme. Sempre foi muito habilidosa e agora é uma atleta de ponta. A Ágatha juntou-se ao nosso projeto e trouxe uma experiência muito grande. Era uma atleta que já tinha uma carreira vitoriosa, mas que precisava de uma guinada e ao lada da Bárbara ela conseguiu isso. Fico muito feliz por esse sonho ter virado realidade”, diz o treinador.