Translate

quarta-feira, agosto 21, 2013

Leandro Guilheiro tem encontro com jovens praticantes do judô

Leandro Guilheiro ensinou alunos em uma
oficina de judô(Foto: Marcos Coelho)
Medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008 e Londres 2012, o judoca Leandro Guilheiro participou de um encontro com crianças na tarde da última quarta-feira, em uma loja de material esportivos, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. O encontro foi promovido pelo principal patrocinador do atleta e se tratava de uma oficina de judô, com estudantes da Escola Municipal Juan Antônio Samaranch.


Os pequenos lutadores fazem parte do projeto GEO (Ginásio Experimental Olímpico), que tem como finalidade dar conduta dentro e fora dos tatâmes e formar atletas para o esporte brasileiro. No total, 39 alunos com idade entre 12 a 16 anos puderam conhecer Leandro pessoalmente e ganhar algumas dicas do ídolo.

- Quem mandou no assunto foram eles. Levantaram algumas questões que não tinham respostas e perguntaram pra mim. Procurei deixar claro pra eles que o caminho a ser seguido é muito difícil, mas o importante é você ter o objetivo de realizar o seu sonho. Assim o esforço sempre vai valer a pena - comentou Leandro sobre a conversa que teve com os adolescentes.


Durante o encontro, Leandro deu muitos conselhos para os presentes, variando de conduta dentro de casa, comportamento com amigos, alimentação e algumas dicas dentro do tatâme. Em alguns momentos, o lutador esboçou um treinamento, a fim de aprimorar a técnica dos estudantes nos principais movimentos da modalidade. Mesmo com muitas conquistas importantes defendendo o Brasil, o lutador se surpreendeu com o comportamento maduro das crianças.

- Mesmo com a pouca idade, pude notar um comportamento curioso deles, pois pedi para formarem uma fila para distribuir autógrafos e eles se organizaram de acordo coma faixa de cada um. Isso significa que eles já sabem da importância do respeito de acordo com a hierarquia.
As crianças aproveitaram e pagaram autógrafo
do medalhista olímpico (Foto: Marcos Coelho)

Todas as crianças pegaram autógrafos com Leandro, que assinou em pedaços de papel, faixas e até nos quimonos de alguns meninos. Para o lutador, o fato de uma criança ter a possibilidade de conhecer o seu ídolo de perto é fundamental para alimentar ainda mais o seu sonho de se tornar um atleta profissional.

- Quando tinha uns 11 anos de idade, eu treinei na academia do campeão olímpico Rogério Sampaio. Essa proximidade ajudou bastante, pois uma coisa é você ver um professor falando, outra coisa é você ver uma pessoa que foi campeã olímpica, que chega lá, servindo de exemplo bem perto de você. Essa convivência é muito importante.


O Brasil é o nono mais no quadro de medalhas da história das olimpíadas, conquistando três ouros, três pratas e treze bronzes. Aurélio Miguel (1988), Rogério Sampaio (1992) e Sarah Menezes (2012) são os brasileiros que já subiram no lugar mais alto do pódio em jogos olímpicos.