Translate

sexta-feira, julho 04, 2014

Guerra de Gigantes: Com segundo tempo emocionante, jogo entre Alemanha e França se torna uma das partidas mais emocionantes do Mundial.

Patricia Nascimento e
Fernanda Félix
Rio de Janeiro

Comemoração alemã (Foto: Fernanda Félix)
 Se vencer o jogo de hoje contra a Seleção da Colômbia, o Brasil já sabe quem enfrentará na próxima fase da Copa do mundo. Na tarde desta sexta-feira, Alemanha e França – duas campeãs mundiais - entraram em campo para decidir a primeira vaga na semifinal da Copa do Mundo. A Alemanha saiu vitoriosa por 1 a 0, em um jogo que no início não tinha cara de quartas de final. No primeiro tempo a seleção francesaera a dona das ações, se mostrando mais ofensiva. Do outro lado, a Alemanhatentava se encontrar no jogo e fechava na marcação contra a equipe adversária.
Aos aproximadamente 12 minutos, em cobrança de falta, a defesa francesa falhou e a Alemanha marcou. A partir desse gol, a França sentiu a pressão e passou a tomar posse do jogo. Tentando chegar ao ataque, a equipe francesa apertava os alemães, porém a seleção de Kloose recuava, e nas chances que tinha de ataque dava susto ao gol de Lloris.
Primeiro tempo com mais “passadas de bola”, porém com menos finalizações a gol. No finalzinho do primeiro tempo, a França passou a dominar a partida e com chegadas perigosas de Benzema, quase chega ao gol de empate após uma cobrança de escanteio.
Ainda esperançoso francês mantém a pose(Foto: Fernanda Félix)

No início do segundo tempo, a torcida Alemã apoiou cada passe com gritos de incentivo, enquanto a França engatava uma nova pressão no jogo, voltando a sua atuação do primeiro tempo.A Alemanha pensava somente em segurar o placar, cometendo faltas frequentes para impedir a equipe francesa de armar um contra-ataque.

Aos 36 minutos, a Alemanha quase finalizou a partida marcando seu segundo gol. A partir desse lance mal sucedido, a Seleção Alemã decidiu segurar o jogo. Faltando 10 minutos para o fim,a Alemanha tomou posição de ataque, no aguardo dos acréscimos. No último minuto a França até que tentou realizar uma finalização, porém foi mal sucedida e a vaga ficou com a equipe alemã pela quarta vez consecutiva em Copas do Mundo.