Translate

sábado, junho 28, 2014

HAJA CORAÇÃO: Brasil despacha chilenos e aguarda adversário das quartas de finais

Aurea Lucia Santana
Rio de Janeiro


A emoção deu o tom na torcida contra o Chile(Foto: Fernanda Félix)
O Brasil  ficou com os nervos a flor da pele assistindo a classificação mais que suada da seleção brasileira para a próxima fase.  Em uma decisão dramática nos pênaltis, os brasileiros venceram o Chile por 3x2. A torcida fez a sua parte, dando um show nas arquibancadas do Estádio do Mineirão e nas ruas, fora e dentro do país. Em Copacabana, torcedores  brasileiros de todas as idades animavam as areias da Fifa Fan Fest durante mais um dia de decisão na Copa.

O jogo começou bem quente, e logo com tanta emoção e força da galera, a seleção canarinho abriu o placar aos 18 minutos. Em uma cobrança de escanteio, Thiago Silva desviou a bola, que encontrou David Luiz e meio sem querer ele escorou para dentro da rede. Os torcedores vibraram com o gol, pois estava apenas à um passo da classificação. 
Porém a festa não durou por muito tempo, e aos 31 minutos Alexis Sánchez empatou para os chilenos. Hulk e Marcelo falharam na defesa e deixaram a bola entrar, para a apreensão dos torcedores que queriam uma reação dos jogadores, para que não deixassem o Chile virar.
Ainda com o empate ainda existia esperança em Copacabana, pois para o torcedor o gol da vitória era questão de tempo, mas não foi o que aconteceu, a primeira etapa do jogo terminou com o mesmo placar. Apesar de toda inquietação, no intervalo houve quem se animasse com as musicas nas areias da praia, porém a apreensão prevalecia.
A torcida veio ao delírio quando Hulk tem uma bela oportunidade de avançar no placar e marcar para o Brasil, porém, o juiz interpretou  que a bola havia batido no braço do brasileiro e anulou o gol, dando ainda cartão amarelo para o jogador. 
Estrategicamente as substituições aconteceram no segundo tempo, no Chile saiu Vargas para a entrada de Gutiérrez e entrou Mauricio Pinilla no lugar de Arturo Vidal;  e pelo lado do Brasil, Fred, saiu vaiado, e entrou Jô e Fernandinho para a entrada de Ramires. 
Com término do segundo tempo empatado em 1x1, o jogo vai foi para a prorrogação. Os torcedores que estavam em Copacabana a favor da seleção brasileira, de forma tímida, dava apoio a seleção e, começou a questionar a atuação do árbitro Howard Webb. Com poucas oportunidades de gol, o primeiro tempo da prorrogação terminou sem gols, deixando ainda mais nervosa a nação.
No início do segundo tempo da prorrogação aconteceu a ultima substituição das duas equipes, saiu Oscar e entrou Willian; e na seleção chilena entrou José Rojas e  saiu Gary Medel. Ainda com esperanças, a torcida no Mineirão dava incentivo  aos jogadores, cantaram em coro "Eu acredito". Porém não foi suficiente, era decisão nos pênaltis.
Grupo de chilenos não contiveram as lágrimas ao ver
o sonho do título terminado( Foto: Fernanda Félix)

O Brasil converteu três gols, marcados por David Luiz, Marcelo e Neymar. Willian e Hulk perderam. Para o Chile os únicos que converteram suas cobranças foram Charles Aránguiz e Díaz; Pinilla, Alexis Sánchez e Gonzalo Jara chutaram para fora. Neymar fechou os penaltis dando a vitória e a alegria para o Brasil.

Com a classificação garantida, O Brasil espera seu próximo adversário, que sairá no confronto entre Colômbia e Uruguai que acontecerá  hoje no Maracanã.